Como votar nulo?

Como votar Nulo – As eleições se aproximam e muita gente opta em votar nulo, principalmente com os atuais partidos que tem se candidatado hoje, porém na hora da votação na urna eletrônico, não existe nenhum botão para voto nulo. Muitas pessoas têm dúvidas em relação a isso, dessa forma, nesse artigo iremos lhe informar como votar nulo.

Como Votar Nulo?

O eleitor que quiser votar nulo precisa apenas votar no número de um candidato que não exista. Assim o voto é computado como “Número Errado – Voto nulo”, e deixa de contar na média geral das eleições. O que muitas pessoas não sabem e que o voto nulo é considerado voto inválido nas eleições e deixa de ser contabilizado na média dos votos válidos.

O voto nulo significa insatisfação do eleitor com os candidatos e partidos que estão concorrendo as eleições, por não possuírem opção de voto, preferem não votar em candidato algum. O voto nulo não consegue anular uma eleição. Existe um mito de que se mais de 50% dos votos de uma eleição forem anulados, a eleição também é anulada, porém trata-se apenas de um mito, pois a eleição continuará valendo

Votar Nulo
Votar Nulo

Conheça a principal consequência de votar nulo

O voto nulo pode interferir diretamente no candidato mais votado, pois os votos nulos não são anulados e sim somados ao candidato mais votado, sendo assim, o candidato que tem mais votos consegue ficar mais perto de vencer o primeiro turno das eleições.

Votar nulo anula a eleição?

Não. Muitas pessoas acreditam que se mais de 50% das pessoas votarem nulo em uma eleição, a eleição será anulada, e terá de ser feita uma nova eleição. O TSE, porém, esclarece que anular o voto não cancela a eleição, e isso é apenas um mito.

O voto “Nulo” é considerado um voto inválido, portanto, não entra na contagem oficial dos votos, nem anula a eleição;

Entenda a diferença de voto nulo e voto anulado

A anulação do voto só acontece quando é detectado alguma irregularidade no caso de uma fraude. Já o voto nulo é o voto que prefere não se colocar diante dos candidatos, ou seja, não dá o seu voto a nenhum partido, prefere-se o deixar em branco.

Voto Nulo
Voto Nulo

Porém vale lembrar que o voto nulo, na verdade, apenas deixa de ser computado. Portanto, estatisticamente, ele deixa o candidato que tem mais votos mais perto de vencer, ao invés de atrapalhar os planos dele, como muita gente acredita.

O que é voto em branco, qual é a diferença do voto em branco para o nulo?

O voto em branco é quando o eleitor decide não eleger ninguém sendo assim, o seu voto é realmente em branco, não entrando para a contagem de resultados das eleições, e o voto nulo é considerado o voto de protesto, votando no número de um candidato que não existe.

Na contagem dos votos, tanto os votos brancos como nulos são considerados como votos inválidos, não entrando na contagem dos votos. Na prática, não existe diferença nenhuma entre votar branco ou nulo.

O voto em branco é como se o eleitor tivesse assinado voto a nenhum candidato, sendo assim, o mesmo vota porem não elege nenhum dos candidatos das eleições. É impossível ocorrer fraude através de uma urna eletrônica.

Voto em Branco
Voto em Branco

Então se você ainda não possui um candidato (a) em mente que realmente mereça o seu voto analise qual o tipo de voto você irá optar, lembrando que o voto em branco anula a contagem para qualquer candidato, de forma que, o seu voto realmente não seja contabilizado na estatística.

Da mesma forma, o voto nulo também é considerado um voto inválido, não entrando para a contagem oficial dos votos.

Mas nem sempre foi assim: antes de constituição de 1988, os votos brancos eram contabilizados para o candidato ou partido que está atualmente no poder, como um voto de conformismo, e o voto nulo era contabilizado como um voto de protesto. Hoje, porém, nenhum dos votos brancos ou nulos serve para anular a eleição, nem para mudar a classe política do país.

Vale a pena votar nulo?

Se você estiver realmente indeciso sobre quem é o melhor candidato para assumir um cargo político, anular o voto pode ser a única saída. Vale lembrar que quem não vota nem justifica o voto, não tem direito a receber a certidão de quitação eleitoral, que é obrigatória para uma série de procedimentos, como por exemplo, emissão de passaporte.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 4,50 out of 5)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *