Agendamento Biométrico

Agendamento Biométrico – Até o mês de março de 2018 os eleitores puderam fazer o recadastramento biométrico para as próximas eleições. 181 cidades brasileiras de 10 Estados diferentes estavam ainda com o processo acontecendo, outras 535 já tinham concluído o agendamento Biométrico.

Se a sua cidade exige o cadastramento biométrico para as próximas eleições 2018 e você perdeu o prazo de fazê-lo, saiba que o seu título de eleitor será suspenso e após o mês de maio será cancelado. Com o documento cancelado o cidadão sofre algumas sanções como não poder participar de concursos públicos e nem fazer passaporte.

Agendamento Biométrico
Agendamento Biométrico

Se você quer saber mais sobre o agendamento e cadastramento biométrico, saber mais sobre os prazos, fazer o cadastramento, onde fazer, como funciona, documentos, dentre outros, acompanhe o nosso artigo que vamos explicar o passo a passo desse procedimento.


Prazo para Biometria Eleitoral

O cadastramento da biometria para as próximas eleições foi até março de 2018. Entretanto, algumas cidades ainda não têm obrigatoriedade de realizar o cadastramento para as eleições deste ano.

Se a sua cidade já exige o cadastramento biométrico e você não fez o seu, é bem provável que o seu título de eleitor já esteja cancelado, fazendo com que o cidadão sofra algumas sanções do governo e dificultando alguns procedimentos e direitos. Veja o que você deve fazer para regularizar o seu título:

  • Levar o título de eleitor (mesmo cancelado);
  • Documento de identificação oficial contendo foto, nome completo, data de nascimento, dentre outros;
  • Comprovante de residência atualizado;
  • Se homem, comprovante de quitação militar;

Agendamento Biométrico

O agendamento biométrico funciona basicamente em digitalizar todo o processo eleitoral. A biometria coleta a assinatura do eleitor, foto e digital para dar mais segurança e agilidade para as próximas eleições.

Para fazer o agendamento biométrico, é preciso:

  • Verificar no site do TSE ou TER do seu Estado para saber se sua cidade já exige a obrigatoriedade da biometria já para as próximas eleições;
  • Comparecer até o cartório eleitoral mais próximo levando documentos oficiais como, documento de identidade, comprovante de residência atualizado e o título de eleitor;
  • Caso o seu Estado precise fazer o agendamento antes, faça o agendamento no site oficial do TER do seu Estado.

Documentos Necessários

Mesmo com o prazo já vencido, o eleitor registrado na cidade que exige a biometria já para as próximas eleições deve comparecer ao cartório eleitoral o mais rápido possível para regularizar a sua situação.

Se a sua cidade ainda não exige a biometria, mas mesmo assim você deseja fazê-la para ficar antecipado com as exigências da justiça eleitoral, você deve entrar no site oficial do TSE ou do TER do seu Estado e fazer o agendamento da biometria e ir até o cartório eleitoral da sua cidade levando:

  • Título de eleitor;
  • Documentos oficiais como RG, CPF;
  • Comprovante de residência;

Com esses documentos o cidadão irá regularizar a sua situação junto a justiça eleitoral e também não correrá o risco de sofrer sanções.

Saiba mais sobre o sistema eleitoral Brasileiro:

O que Acontece se não fizer o Recadastramento Biométrico?

O cadastramento biométrico é obrigatório para as cidades em que a justiça eleitoral já exige a biometria. Veja as sanções de quem não fizer o cadastramento biométrico:

  • Fica impedido de prestar concursos públicos;
  • Não pode emitir passaporte;
  • Não recebe seu salário como funcionário público;
  • Não consegue fazer matrícula em instituições públicas;
  • Não consegue empréstimos em bancos públicos.
Recadastramento biométrico obrigatório
Recadastramento biométrico obrigatório
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Comprovante de Votação 2018

As eleições 2018 trazem consigo deveres que são incumbidos ao cidadão brasileiro, sendo que um deles é a retirada do comprovante de votação (ou simplesmente comprovante de voto), um documento que é bastante importante na vida do brasileiro.

Comprovante de Votação 2018
Comprovante de Votação 2018

O que é Comprovante de Votação?

Em geral, o comprovante de voto é um documento fornecido ao eleitor logo após ele exercer o seu dever de votar. Com este documento, o cidadão consegue provar que ele votou e em que turno das eleições ele cumpriu com essa obrigação.

Sendo que este documento é fornecido independentemente da sua opção de voto, e mesmo quem opta por votar em branco ou nulo, continua tendo o direito de receber o seu comprovante de voto na seção eleitoral no dia da eleição.


Como Conseguir o Comprovante de Votação

Como referido no tópico anterior, o comprovante de votação é um documento que será fornecido na data da eleição 2018, pelo Cesário após o voto. Ou seja, só consegue obter esse documento que vai ao pleito eleitoral e cumpre com o seu dever de votar.

Como conseguir o comprovante de quitação eleitoral
Como conseguir o comprovante de quitação eleitoral

É importante deixar bem claro que não há como conseguir esse documento após a eleição. Afinal, ele é somente fornecido no dia da votação.

Sendo assim, é necessário que o eleitor o conserve muito bem, pois na hora de fazer a matricula em universidades, participar em concursos públicos, entre outras atividades, ele será exigido.


Como Obter a Segunda Via do Comprovante de Votação

Apesar de não ser possível obter o segunda via do próprio comprovante de votação fornecido no dia da votação na seção eleitoral. Em caso de perda ou furto deste documento, o eleitor pode obter a Certidão de Quitação Eleitoral.

Esta certidão tem justamente o objetivo de comprovar que o cidadão votou nas eleições passadas. Ou seja, ele desempenha a mesma função do Comprovante de votação.

Mas é importante observar que apesar da certidão de Quitação Eleitor ser acessível a qualquer cidadão. Há necessidade de se ter o número do título de eleitoral no momento da sua solicitação. Afinal, sem esse dado, não haverá como prosseguir com o requerimento.

A boa notícia é que dá para conseguir esse número no site do Tribunal Superior Eleitoral.

Como obter a segunda via do comprovante de quitação eleitoral
Como obter a segunda via do comprovante de quitação eleitoral

Com esta informação em mãos, agora você já poderá obter a sua certidão de Quitação Eleitoral via online. Basta apenas seguir o passo a passo descrito logo abaixo:

  • Primeiramente acesse o portal do TRE, clicando AQUI;
  • Na página inicial, clique na opção “quitação eleitoral”;
  • Agora entre com os dados requisitados (Nome completo, Número do título de eleitor, Data de nascimento, Nome da mãe e do pai) e depois clique em “Enviar”.
Como obter a segunda via do comprovante de voto
Como obter a segunda via do comprovante de voto

Feito isso, o site apresentará nos próximos segundos a certidão de quitação eleitoral. A certidão de quitação eleitoral deverá ser usada como comprovante de votação.

Valendo salientar que também é possível obter esse documento diretamente no site do TSE ou num cartório eleitor.

Nesses locais também será necessário apresentar documentos que apresentem as informações solicitadas na requisição online da Certidão de quitação eleitoral.


Para que serve o comprovante de votação?

O documento é obrigatório para uma série de procedimentos que exigem a quitação eleitoral, como:

  • Participar de concurso público;
  • Emitir passaporte;
  • Abertura de conta em banco;
  • entre outros.

Comprovante de quitação eleitoral para eleitor faculutativo

O eleitor facultativo, ou seja, aquele que não é obrigado a votar, também pode obter a certidão. Mesmo em casos em que não votou.

Nesse caso, basta se dirigir à um ponto de atendimento da justiça eleitoral da sua cidade ou região e solicitar uma certidão que conste a não-obrigatoriedade de voto. Assim, o eleitor facultativo não precisará comprovar que votou ou justificou o voto na última eleição.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Consulta Título de Eleitor 2018

Consulta Título de Eleitor 2018 – O título de eleitoral é o documento que comprova a inscrição do cidadão na justiça eleitoral brasileira. Para saber como consultar o título de eleitor, preparamos esse texto que vai lhe informar: Como saber o Local de Votação, Consulta da Zona Eleitoral, Como consultar o número do título de eleitor, e muito mais. Confira abaixo.

Através do título eleitoral que o cidadão pode participar nas eleições e eleger o seu candidato preferido por meio dele. Mas não é só para isso que esse documento serve.

Consulta título de eleitor 2018
Consulta título de eleitor 2018

Lembrando que o título de eleitor, assim como o comprovante de votação 2018, é obrigatório para:

  • Participar em concursos públicos;
  • Se matricular em universidades;
  • Emitir passaporte;
  • E realizar vários outros processos que carecem da sua apresentação.

Portanto, confira abaixo como saber tudo sobre seu título eleitoral.

As eleições 2018 estão próximas, por isso esteja com a sua situação eleitoral em dia, veja como realizar a consulta Título de Eleitor e mais abaixo:


Consulta Título de Eleitor – Número do Título de Eleitor

O número do título de eleitor é uma informação bastante importante para quem deseja votar, já que dados como o local da votação e a situação eleitoral no geral, podem ser consultados por meio desta informação, por isso, é crucial estar sempre ciente do seu número do título de eleitor.

Mas em caso de esquecimento deste dado, você poderá consultá-lo pela internet, bastando seguir o passo a passo descrito, já a seguir:

  • Comece acessando o site do TSE;
  • Informe o nome do eleitor, a data de nascimento e o nome da mãe;
  • Para prosseguir com a verificação, clique em “Consultar”.

Salientando que é possível consultar essa informação diretamente no cartório eleitoral. Nesse caso, basta apresentar um documento oficial com foto.


Consulta Título de eleitor por nome e CPF

Quem não tem o título de eleitor, pode fazer a consulta da sua situação eleitoral, ou melhor, do título de eleitor por meio do nome e CPF.

Lembrando apenas que a emissão deste documento pela internet, não é possível. Mas em caso de perda, você pode consultar a sua situação eleitoral pela internet por meio do nome, bastando seguir o passo a passo que consta logo abaixo:

  • Acesse o site do TSE por AQUI;
  • Entre com o nome e a data de nascimento;
  • Por fim, clique em “Consultar”.
Consulta título de Eleitor por CPF
Consulta título de Eleitor por CPF

Como tirar o título de eleitor

O título de eleitor é um documento totalmente gratuito. Além disso, sua emissão pode ser feita diretamente no cartório eleitoral do seu município. O documento é entregue na hora.

Para tirar o seu título de eleitor no cartório, é preciso apresentar os seguintes documentos:

  • Carteira de identidade;
  • Comprovante de residência recente em original;
  • Quem for maior de 18 anos, terá que apresentar o certificado de quitação do serviço militar.
Como tirar o Título de Eleitor
Como tirar o Título de Eleitor

Leia mais: Justiça eleitoral já divulgou as datas da eleição 2018. Programe-se para não deixar a oportunidade de exercer a sua cidadania!


Como Consultar a Zona Eleitoral

Para cumprir com o dever de votar, o eleitor precisa  saber o local de votação ou da zona eleitoral na qual ele deverá cumprir com essa obrigação.

A consulta da zona eleitoral poderá ser feita por meio da internet sem grandes dificuldades.

Salientando apenas que a verificação online pode ser feita pelo nome ou ainda pelo título de eleitor. Ou melhor, pelo número do título de eleitor, por meio do seguinte passo a passo:

  • Entre no site do TSE;
  • Agora informe o seu nome/número do título de eleitor, data de nascimento e nome da mãe;
  • Por fim, clique em “Consultar”.

Além da consulta Título de Eleitor online, também é possível saber o local da votação por via da central de atendimento ou no cartório eleitoral.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Pesquisa Eleitoral Presidente 2018

Quem será eleito para a presidência do Brasil em 2018? Graças a Pesquisa eleitoral Presidente 2018, já podemos ter uma prévia de quem pode ganhar a eleição. Esse ano a corrida está muito mais apertada, pois há muitos candidatos. Se você está em dúvida em quem votar, confira abaixo a Pesquisa Eleitoral Presidente 2018.

Por esses motivos diversos meio de comunicação redigiu varias pesquisas nos últimos meses para entender o cenário atual e conhecer quem serão os candidatos à eleição a presidência do Brasil em 2018.

Com o cenário drástico que o país vem sofrendo nos últimos anos, saber em quem votar para presidente é muito importante. O brasileiro precisa se certificar de escolher um candidato competente e honesto. O presidente do Brasil é o principal responsável pela economia, portanto a geração de empregos, por exemplo, é sua responsabilidade direta.

A presidência da República é o mais importante cargo das eleições 2018. Tem deixado o brasileiro com a pulga atrás da orelha, por isso a preocupação de quem vai ocupar o cargo a presidência do Brasil em 2018 é grande para o povo brasileiro.

Presidência do Brasil em 2018
Presidência do Brasil em 2018

Com a operação da lava-jato nos últimos anos o cenário político tem ficado cada vez mais instável. Com a prisão de vários deputados, e com a própria prisão de Lula, o contexto político tem ficado muito perturbador para os eleitores.


Pesquisa eleitoral Presidente 2018 – Com e sem Lula

Surgiram muitas questões entre a população referente à prisão de Lula. Segundo pesquisas eleitorais de 2018, Lula ainda continua na frente com uma margem de aproximadamente 32% dos votos. Antes de ser encarcerado Lula atingia a média de 37% dos votos, grande diferença de números para uma eleição, mas ainda assim continua na frente.

E outra dúvida que muito brasileiros ainda possui, é, se mesmo com a prisão de Lula, ele pode ser eleito. Muitos analistas apontam que LULA pode ser candidato, mas não necessariamente vá ser eleito. O partido dos trabalhadores tem até o dia 15 de agosto para registra a candidatura, ao TSE, (Tribunal Superior Eleitoral).

Porém, o ex-presidente não poderá fazer campanhas, aparecer na televisão ou ter o nome e número estampado em urnas eletrônicas. Mas a candidatura de Lula é ainda algo muito instável e caso ocorra algo o PT tem até o dia 17 de setembro para escolher outro candidato.


Jair Bolsonaro nas pesquisas presidenciais 2018

Atrás do ex-presidente Lula, quem vem liderando é Jair Bolsonaro do (PSL) com 16,7% das intenções de votos nas últimas pesquisas eleitorais 2018, em seguida, os ex-ministros Marina silva (REDE), com 7,6% das intenções de voto e Cícero Gomes do (PDT), com 9,0%.

Com muitos partidos envolvidos nesta candidatura repercutiram a seguinte pesquisa onde todos os candidatos estarão mencionados com a porcentagem de chances, seguindo a pesquisa da CNT/MDA. Abaixo está à lista com os quinze pré-candidatos a pré-eleições de 2018.

Pesquisa eleitoral para presidente
Pesquisa eleitoral para presidente

Candidatos à presidência do Brasil em 2018

Lista com os 15 pré-candidatos à eleição 2018:

  • Lula – PT – 32,4%

  • Geraldo Alckmin – PSDB – 4,0%

  • Jair Bolsonaro – PSL -16,7%

  • Paulo Rabello de Castro – PSC – 0,1%

  • Henrique Meirelles – MDP – 0,3%

  • Flávio Rocha – PRB – 0,4%

  • Rodrigo Maia – DEM – 0,2%

  • Ciro Gomes – PDT – 5,4%

  • Álvaro Dias – Podemos – 2,5%

  • Marina Silva – Rede de Sustentabilidade – 7,6%

  • Manuela D’Ávila – PCdoB 0,5%

  • Guilherme Boulos –PSOL – 0,5%

  • João Aumoêdo – NOVO – 0,4%

  • Fernando Collor – PTC – 0,9%

  • Michel Temer (MDB) – 0,9%

Você sabia? Mesmo quem está fora do país pode votar. Trata-se do voto em trânsito 2018, em que o eleitor previamente inscrito pode votar em embaixadas brasileiras no exterior.

O restante ficou para os votos branco-nulos, e para os indecisos. Também vale lembrar que o ex-presidente Lula ainda é algo incerto para essa candidatura, e está pesquisa foi baseado contando com sua participação na eleição.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Últimas Pesquisas Eleições 2018

Últimas Pesquisas Eleições 2018 – Com data marcada para o primeiro e segundo domingo de outubro, as eleições gerais constituem um dos eventos mais importantes para todo o brasileiro, pois é justamente por meio delas que cada cidadão tem a oportunidade de escolher os seus representantes através do voto.

Em 2018, as eleições visam eleger personalidades para ocuparem os seguintes cargos:

  • Presidente da República;
  • Governadores;
  • Senadores;
  • Deputados Federais;
  • Deputados estaduais/distritais.

Não deixe de conferir já nos próximos tópicos os candidatos as eleições e as últimas Pesquisas DataFolha 2018:

Últimas Pesquisas Eleições 2018
Últimas Pesquisas Eleições 2018

Você sabia: nem todo mundo precisa votar! Confira quem está isento da votação segundo as regras do voto facultativo 2018. Não se esqueça também de votar se estiver no exterior, através do voto em trânsito 2018.


Candidatos e Últimas Pesquisas Eleições 2018

Entre os candidatos as eleições 2018, há desde deputados, ex-ministros e até mesmo ex-presidentes, onde até o momento apenas 19 nomes oficializaram a sua disputa as presidenciais, sendo que os partidos que ainda não definiram as candidaturas nas convenções deveram o fazer até o início de Agosto.

Mas mesmo sem nomes confirmados, as pesquisas já apontam os futuros representantes, sendo que em estados como São Paulo, segundo uma pesquisa realizada pelo instituto Paraná Pesquisas, para as eleições governamentais, o atual perfeito do estado João Dória (PSDB) e o apresentador Celso Russomanno (PRB) estão é disputa direta pela posição cimeira com os maiores índices na intenção de voto.


Pesquisa Eleitoral 2018 DataFolha

Criado para realizar levantamentos estáticos, de opinião e de mercado, o Instituto de pesquisas do grupo Data Folha também realiza pesquisas eleitorais, sendo que para o ano de 2018 dados referentes aos candidatos com maiores chances de vencer as eleições, já foram divulgados pelo Instituto.

Para as próximas eleições o DataFolha realizou as pesquisas tendo em conta a opinião de mais de 4.000 eleitores de 227 municípios, sendo que além de indicar a preferência para as eleições presidenciais, este levantamento também apresenta a opinião dos brasileiros em relação a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), bem como a sua participação nas eleições.


Pesquisa Eleitoral para Presidente DataFolha

Mesmo após condenação em segunda estância no caso do tríplex no Guarujá, Lula é segundo pesquisas reveladas pelo DataFolha o candidato com maior índices na intenção de voto (31%) para as eleições presidenciais de outubro próximo.

Atrás do ex-presidente vem o deputado Jair Bolsonaro (15%), que recentemente foi arrastado ao Supremo Tribunal Federal acusado de racismo.

Disputando a presidência com Lula e Bolsonaro, segue Marina Silva (Rede), a ex-ministra do ambiente do governo de Lula.

Outro candidato que também está se saindo muito bem nos índices de intenção de voto, é o ex-presidente do STF (Supremo Tribunal Federal) Joaquim Barbosa (PSB), que conta com 10% da preferência dos brasileiros a presidência.

Com alguma notoriedade nos índices de preferência as eleições, seguem os ex-governadores Geraldo Alckmin (PSDB) e Ciro Gomes (PDT).

Leia também:


A Disputa Lula Vs. Bolsonaro

Seguindo como os 2 maiores nomes para a sucessão presidencial 2018, Lula e Bolsonaro são segundo pesquisas do DataFolha os candidatos que apresentam o maior índice na intenção de voto.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) apresenta uma vantagem bem alargada, liderando com folga todas as regiões do país.

Já figurando em segundo lugar, o deputado Jair Bolsonaro (PEN/Patriota) firma-se como o candidato mais forte, e caso o PT não confirme a candidatura do petista, Bolsonaro terá apenas que disputar o cargo de presidente da república com Marina Silva (Rede).

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Diferença Entre Voto Nulo e Branco

Com as eleições gerais de 2018 chegando, cada brasileiro deve ficar atento aos candidatos as eleições. Porém em caso de dúvidas entre os candidatos, muitos eleitores preferem votar em branco ou anular o voto. Nem sempre, porém, fica muito claro qual a diferença entre voto nulo e voto em branco. Pensando nisso, vamos explicar hoje qual a diferença entre o voto em branco e o voto nulo.

Mas como nem todo eleitor consegue decidir a tempo o candidato certo a escolher, a lei brasileira dá a possibilidade de este não escolher nenhum dos candidatos por meio do voto branco e anulo.

Diferença Entre Voto Nulo e Branco
Diferença Entre Voto Nulo e Branco

Não deixe de saber qual é a diferença entre o voto nulo e branco, já nos próximos tópicos.


Diferença entre Voto Nulo e Branco

Consistindo no ato de não escolher nenhum dos candidatos propostos as eleições, ou melhor, num meio de manifestação do descontentamento do eleitor, existem algumas diferenças mais profundas entre o voto Nulo e branco.

Voto Nulo

consiste na manifestação da vontade de anular o voto, e apesar de teoricamente parecer uma “invalidação da eleição”. Segundo o TSE os votos nulos podem vir a interferir no resultado final da votação, visto que quando há muitos votos nessa modalidade, o candidato que conseguiu angariar mais votos aumenta as suas chances de chegar a vitória logo no primeiro turno. O Voto nulo NÃO invalida a eleição.

Sendo assim, é corretíssimo afirmar que quanto maior for o número dos votos nulos, menos votos realmente válidos o candidato terá que ter para vencer as eleições 2018.

Voto Branco

Ocorre quando o eleitor não manifesta a sua opção de voto.  Pela lei anterior, o voto em branco ia para o candidato vencedor, mas isso não acontece mais. Pela lei eleitoral atual, o voto em branco não é contabilizado para nenhum candidato. Por isso, o candidato que vota em branco simplesmente abre mão de eleger o candidato que não deseja. O voto branco NÃO invalida a eleição.


Como Votar Nulo

Para manifestar a vontade de manter nulo o seu voto, é necessário dirigir-se ao pleito eleitoral, e confirmar tal opção de voto diretamente na Urna eletrônica que fica nesses locais.

Veja como votar nulo nas eleições gerais de 2018, logo abaixo:

  • Dirija-se ao local de votação;
  • Na urna eletrônica digite um número de candidato inexistente;
  • Em seguida clique na tecla “Confirma”
Como votar branco
Como votar branco

Leia mais:


Como Votar em Branco

Com o aparecimento das novas tecnologias a forma de votar nesse tipo de modalidade mudou, sendo que a não assinalação da cédula de validação. Dessa forma, não constitui mais motivo para que o voto seja considerado branco.

Veja como você pode votar em Branco nas eleições gerais de 2018, logo abaixo:

  • Vá até o posto de votação;
  • Na urna eletrônica pressione a tecla “Branco”;
  • Agora finalize a sua votação em Branco clicando em “Confirma”.
Como vota branco
Como vota branco

É importante ter em conta que para as eleições que dizem respeito aos cargos das eleições 2018 de deputado federal, deputado estadual e vereador. Afinal, tanto os votos nulos e brancos interferem no resultado final das eleições de forma direta.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Cargos Eleições 2018

Comparecer ao posto eleitoral para fazer a escolha dos representantes do governo por meio do voto é dever de todo cidadão brasileiro. Para as eleições 2018, a votação será feita para a seleção de representantes do povo para vários cargos do governo. Portanto, fique ligado no texto que preparamos, explicando quais os cargos das eleições 2018 e suas funções.

As eleições 2018 serão realizadas em outubro próximo, onde o primeiro e segundo turno do sufrágio terão lugar no primeiro e segundo domingo deste mês respectivamente.

Não deixe de conferir informações acerca dos cargos que serão disputados nas eleições de 2018, já nos próximos tópicos:

Cargos Eleições 2018
Cargos Eleições 2018

Quais Cargos Serão Disputados nas Eleições 2018

Nas eleições gerais de 2018, os brasileiros irão às urnas eleitorais para expressar a sua vontade na escolha dos candidatos que estarão disputando os seguintes cargos:


Cargo de Presidente da República

Com o mandato estabelecido em 4 anos, o candidato que for eleito para a presidência por maioridade de votos nas eleições de 2018, tomará posse em 1 de janeiro de 2019, e exercerá as suas funções até 31 de dezembro de 2022.

⎕⎕
O número do presidente da república contém 2 dígitos.

Valendo salientar que para as pesquisas presindeciais 2018, grande parte dos partidos já apresentaram os seus candidatos. Dessa forma, os que ainda não o fizeram tem até o início de Agosto para formalizar a sua candidatura as presidenciais.


Cargo de Governador

Semelhante ao cargo de presidente no que diz respeito aos anos do mandato (4 anos), os governadores que forem eleitos nas eleições de 2018 tomaram posse no ano de 2019 e cessaram as suas funções em 2022, do mesmo jeito que o presidente da república.

⎕⎕
O número do governador contém 2 dígitos.

Frisando que são eleitos governadores para as 27 unidades federativas do Brasil. Ou melhor, para o distrito federal e os 26 estados que compõem o território brasileiro.


Senador

A escolha dos candidatos a senador é feita pelos eleitores de todos os 26 estados brasileiros e o distrito federal.

Em cada um dos estados e Distrito Federal são eleitos 3 senadores. Isso totaliza 81 senadores que deveram ser selecionados nas eleições de 2018.

⎕⎕⎕
O número do senador contém 3 dígitos.

Apresentando eleições de 4 em quatro anos para renovação das cadeiras por 1 e 2 terços, o mandato atribuído aos candidatos eleitos para esse cargo é de 8 anos, nas cadeiras.


Deputado Federal

O deputado federal é eleito para representar o povo na câmara dos deputados. O mandato atribuído a este representante do povo é de 4 anos.

O candidato a deputado federal 2018 eleito pode concorrer sucessivamente a reeleições.

⎕⎕⎕⎕
O número do candidato estadual contém 4 dígitos.

Salientando ainda que os deputados são eleitos pelo sistema proporcional. Ou seja, as cadeiras na câmara dos deputados são distribuídas aos partidos consoante o número de votos obtidos pelos mesmos nas eleições.


Deputado Estadual

Ocupa a posição de representante do povo na assembleia legislativa estadual. O deputado estadual conta com um mandato de 4 anos, e do mesmo jeito que o deputado federal, este também é eleito pelo sistema de foto proporcional.

⎕⎕⎕⎕⎕
O número do candidato estadual contém 5 dígitos

Sendo que de acordo com a Constituição Federal, o deputado estadual tem a função de legislar. Ou seja, ele pode propor, emendar, alterar, revogar e derrogar (revogação parcial) leis estaduais.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Título de Eleitor Digital

O título de eleitor é um documento muito conhecido pelos cidadãos, utilizada para comprovar que os mesmos estão aptos para exercer o seu eleitorado ativo, ou seja, o mesmo pode votar em um candidato. Mas, para acompanhar o novo mundo, cheio de tecnologias, foi criado o Título de Eleitor Digital, saiba mais sobre ele abaixo.

Título de Eleitor Digital
Título de Eleitor Digital

Ter o título de eleitor é também uma condição mais do que fundamental para que o cidadão mantenha sua cidadania. Antigamente o título de eleitor era um documento impresso, que constava dados como:

  • Data de nascimento
  • Município
  • Unidade da federação (UF)
  • Zona eleitoral
  • Seção eleitoral
  • Entre outras informações importantes.

Com o avanço da tecnologia é óbvio que os documentos tinham que se atualizar também. Com isso, foi criado o título de eleitor digital, o aplicativo e-Título permite que os eleitores tenham acesso ao título de eleitor de maneira 100% digital, através do seu smartphone ou tablet.

Saiba também:


O que é o e-Título?

O e-Título é um aplicativo que poderá ser baixado no seu Smartphone, permitindo assim, que você tenha o seu Título de Eleitor em formato digital. A grande vantagem desse aplicativo é a presença de uma foto sua para identificação. Isso faz com que não seja mais necessário levar um documento de identificação com foto no momento de votação. Além disso, ele permite a consulta do título de eleitor 2018 de forma muito mais simples e rápida.

Além disso, com o e-Título o cidadão não precisará mais tirar a segunda via do documento, pois, todas as informações necessárias estão contidas no aplicativo.


Como Baixar o e-Título no Celular?

Para baixar o aplicativo no celular é bem simples e fácil, basta acessar a loja virtual do seu celular. Assim, na parte superior de busca e escrever “e-Título”, assim, vai aparecer as opções destinadas ao aplicativo, clique em instalar.

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR

Ao finalizar o download clique em abrir, o seu dispositivo vai solicitar permissão para acessar seu dispositivo. Para ter acesso você vai precisar preencher um simples cadastro, onde será necessário informar:

  • Seu nome de eleitor;
  • Data de nascimento;
  • Número de inscrição do seu título;
  • Nome da sua mãe e pai.

Pronto! Após fornecer esses dados você consegue ter acesso ao seu título de eleitor digital, o aplicativo é inteiramente gratuito e você pode baixá-lo na sua loja virtual.

Como Baixar o e-título
Como Baixar o e-título

Como Funciona o Título de Eleitor Digital?

O aplicativo lançado pela a Justiça eleitoral no dia 1º de dezembro de 2017 veio para revolucionar o avanço da tecnologia. Além disso, será possível ter acesso ao título de eleitor digital através de qualquer dispositivo móvel que tenha acesso a internet. Dessa forma, o eleitor já poderá usar seu título nas eleições 2018 para votar.

Para ter acesso ao e-Título basta baixar o aplicativo na loja virtual, Play Store, disponível para celulares Android ou na loja Apple Store, disponível para celulares iOS.

A versão digital trará novidades a respeito da via tradicional utilizada e impressa, o documento terá agora a foto do eleitor que identificará o mesmo.


Novidades do e-Título

Esse aplicativo trará muitas vantagens e facilidade para a vida do cidadão que realiza a votação anualmente. Com o e-Título, você não precisará levar um documento de identificação no seu local de votação, pois o mesmo já contém uma foto sua e as filas para a emissão da segunda via do documento acabarão.

Futuramente ainda, será disponibilizado um mapa, para que a pessoa  saiba onde será o seu local de votação e ainda, será possível justificar o voto 2018 pelo aplicativo.

Quem pode Utilizar o Título de Eleitor Digital?

A possibilidade de utilizar o título de eleitor digital só será possível para as pessoas que realizam o cadastramento biométrico. Durante a beometria, é feita a captura da foto digital do eleitor. Portanto, não há nada que impeça os eleitores de não realizaram o recadastramento ao votarem. Porém será necessário apresentar um documento original oficial com foto.

Através do aplicativo as pessoas sabem o local de votação, futuramente será possível também justificar as ausências no dia de votação.  O aplicativo é, portanto, uma revolução tecnológica a respeito dos nossos documentos. Se ainda não cadastrou sua biometria não perca tempo. Agende o seu cadastramento e utilize o seu título de eleitor digital.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Como Funciona o Segundo Turno das Eleições 2018

Em 2018, será escolhido o mais novo presidente do Brasil. Após o abalo que um impeachment e um vice-presidente causou nas relações políticas e em nossa imagem internacional, todo o Brasil espera que as eleições 2018 corrijam o rumo do país. Para mais detalhes, confira abaixo como funciona o segundo turno das Eleições 2018.

Para isso, necessita-se que haja o voto consciente, escolhendo sabiamente o político de acordo com sua ideologia e de seu partido, suas propostas políticas, sócias e econômicas e, por último, mas não menos importante, sua honestidade e seu passado legal.

Segundo Turno das Eleições
Segundo Turno das Eleições

Porém, em meio a votação, pode ser que haja um empate. Quando ocorre esse empate? Quando nenhum dos candidatos consegue atinge metade dos votos mais um. E, é exclusivamente nesses casos, que ocorre o segundo turno das eleições.

O segundo turno se parece praticamente com novas eleições, pois muitos políticos acabam virando o jogo e, além disso, a propagando política volta a ser praticada, os preparativos para o evento são novamente realizados e mesários voluntários 2018 e mesários obrigados.

Veja também: Confira os resultados das últimas pesquisas eleitorais de 2018.


Como Funciona o Segundo Turno das Eleições

Em nosso sistema de eleições, somente são eleitos aqueles candidatos cujo sua porcentagem de votos é maior que 50%, excluindo votos brancos e nulos. Caso nenhum candidato supere 50% dos votos, há uma nova eleição somente com a participação dos dois mais votados. Essa nova eleição é chamada de segundo turno e ocorre poucos dias após o primeiro turno.

O segundo turno das eleições é previsto na legislação brasileira. Mais precisamente, nos artigos 28, 29, inciso II, e 77, da Constituição de brasileira de 1988.

Segundo os mesmos, somente haverá segundo turno na escolha de prefeitos e vice-prefeitos (cujo os municípios possuem mais de 200 mil eleitores), candidatos a governadores e vice-governadores dos estados e do Distrito Federal e presidente e vice-presidente da República.


Por que ocorre o Segundo Turno

O segundo turno não ocorrerá caso o candidato obtenha maioria absoluta diretamente no primeiro turno. Maioria absoluta é aquela que abrange mais da metade dos votos válidos, ou seja, quando o candidato recebe 50% dos votos mais um, excluindo votos brancos e nulos. Saiba mais: Confira qual a diferença entre os votos brancos e votos nulos.

No segundo turno, os dois candidatos mais votados concorrem a uma nova eleição para, enfim, um dos dois obter maioria absoluta e, definitivamente, ser eleito.


Quais as datas previstas para o segundo turno

O segundo turno sempre ocorre próximo ao primeiro turno e, em 2018, não será diferente. As datas das eleições 2018 do primeiro turno serão no dia 2 de outubro e, caso necessário, teremos o segundo turno, que será exatamente 4 semanas depois, ou seja, dia 30 de outubro.

No intervalo de tempo entre o primeiro e o segundo turno, a propaganda política, inclusive o horário eleitoral gratuito, é retomada, porém, somente os concorrentes do segundo turno podem praticá-la.

O sistema de maioria absoluta em nossa democracia ocorre para que haja uma maior voz do povo. Pois, somente governará o município, o estado ou a nação o político cujo o qual agradar e ser aprovado por mais da metade dos eleitores. Portanto, apesar de muitos acharem incomodo receberam propagandas políticas por mais um mês e comparecer ao domicílio eleitoral mais uma vez. Isso somente é feito para garantir uma maior expressão da vontade do povo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

Apuração Eleições 2018: Resultado das eleições

Em 2018 teremos a eleição e escolha do 37º presidente da República Federativa do Brasil. E, com o Impeachment da Presidente Dilma Rousseff, completamos três presidentes que sofreram com esse processo. Portanto, para não haver essa ação que coloca o país em uma crise política e abala a economia, deve haver o voto consciente, a eleição de pessoas íntegras e com ideologias construtivas a fim de melhor a situação do país. Conheça ao decorrer dos próximos parágrafos um pouco mais sobre a apuração das eleições 2018.

Eleições 2018
Eleições 2018

Além de votar, também é necessária a atenção quanto aos resultados da eleição 2018, pois, dependendo do estilo de administração que o político prometeu adotar, deve haver uma preparação por parte da população, pois, querendo ou não, empecilhos podem ocorrer. Portanto, atente-se aos resultados e prepare para possível situações. Mas como funciona a checagem dos resultados?

Desde que a urna eletrônica foi colocada em prática, em 1996 nas eleições municipais, os resultados das eleições são obtidos de maneira rápida e eficiente. Diminui a dúvida dos resultados e a lentidão causada pela contagem por seres humanos.  Portanto, os resultados serão informados ao público no mesmo dia das votações de 2018 e de maneira mais confiável.

Você sabia? Mesmo quem estiver fora do país pode votar. O chamado voto em trânsito pode ser feito mesmo se o leitor estiver fora do Brasil. Ao todo, 89 países fazem parte do sistema de voto em trânsito.

Como Funciona a Apuração das Eleições

Apuração das Eleições 2018A apuração das eleições nada mais é que a contagem dos votos que cada candidato recebeu da população. Esse processo fica a cargo das juntas apuradoras, nomeadas, segundo o Artigo 36 do Código Eleitoral, pelo Presidente do Tribunal Regional.

Os locais de votação e apuração, normalmente, são escolhidos pelos juízes presidentes de cada junta apuradora. Em cidades do interior, o local de apuração dos votos geralmente é o cartório eleitoral e, depois, os arquivos são transmitidos para o TRE (Tribunal Regional Eleitoral). Enquanto nas capitais, os locais são diferentes dos cartórios, porém, mantendo cada circunscrição.

Além disso, a apuração sempre deve ser feita de forma transparente, como toda a população tendo acesso aos resultados ao vivo, evitando fraldes e atos antidemocráticos.

Fique por dentro: nem todo mundo precisa votar – veja quem faz parte do chamado corpo de voto facultativo 2018 e não é obrigado a votar nas eleições.

Resultados Apuração Eleições 2018

O início da apuração das eleições é dado as 17h (de acordo com os 4 fusos horários brasileiros, ou seja, os estados iniciam a apuração separadamente de acordo com o fuso horário que adotam), e a transmissão é realizada desde o começo.

Resultado Apuração das Eleições
Resultado Apuração das Eleições

Os mais variados canais das mais variadas mídias transmitem a apuração. São os mesmos canais que normalmente divulgam as pesquisas eleitorais 2018. Abaixo, alguns locais onde se poderá acompanhar os resultados:

Televisão

  • Band
  • Globo
  • TV Brasil
  • TV Senado
  • TV Assembleia

Rádio

  • Rádio Senado
  • Rádio Jornal
  • Globo FM
  • BandNews
  • Jovem Pan
  • CBN

Sites e Blogs

  • R7.com
  • Terra
  • O Globo
  • Portal G1
  • Uol
  • IG

Também há a possibilidade de verificar os resultados através do aplicativo criado pelo Tribunal Superior Eleitoral.

Vale relembrar mais uma vez que as eleições são responsáveis por alterar socialmente, economicamente e politicamente o nosso país. Portanto deve haver muita responsabilidade no processo de escolha do voto. Avaliando as ideologias do político e seu partido e, além disso, a integridade moral do mesmo.

O primeiro turno ocorre no dia 2 de outubro e o segundo turno, no dia 30 de outubro. E, nos dois casos, a apuração se inicia as 17h do mesmo dia e o resultado é anunciado poucas horas depois.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...